0066UTILIZADORES ONLINE

Porto a Subir 2017

Porto a Subir

Como sempre, a Ponte do Luís I foi testemunha de mais uma edição do Porto a Subir, desta feita a décima quarta.

Com o regresso do bom tempo à cidade do Porto, foi com uma temperatura mais quente do que a sentida nos últimos dias que começou a aventura de subir as escadas do Codeçal, com 206 degraus, e dos Guindais com 290 degraus.

Aurora Cunha, embaixadora da Liberty Seguros, deu o tiro de partida para as duas subidas, com os participantes a demonstrarem uma forte vontade para enfrentarem estes desafios.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30

A cerimónia de pódio premiou os dez primeiros homens e as cinco primeiras mulheres em cada escada, com a Câmara Municipal do Porto e a Porto Lazer a fazer a entrega dos prémios aos primeiros classificados.

Na primeira subida, a das Escadas do Codeçal, no lado masculino da prova Tony Calvo, da Escola do Movimento, completou o percurso com 2m08,7s. No setor feminino, Rosa Madureira, do F.C. Penafiel, subiu as Escadas do Codeçal com o tempo de 2m35,2.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30

A curiosidade de muitos turistas e moradores perante uma prova única, que propõe subir tantas centenas de degraus em ritmo acelerado, ficou patente no forte apoio aos participantes ao longo das duas subidas.

Da Ribeira até a Sé era o mote para todos os atletas neste desafio em contra relógio que estabelece a ligação entre a zona ribeirinha do Douro e a parte mais alta da cidade, nas imediações da Batalha.

O objetivo era subir as Escadas do Codeçal e as Escadas dos Guindais no menor tempo possível. Cada participante partiu de forma intervalada, tendo sido apurados os resultados de cada subida.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30

No que diz respeito às escadas dos Guindais, Tomás Baptista, da Escola do Movimento, foi pela terceira vez consecutiva vencedor desta prova, com o tempo 1m21,7s.

Na vertente feminina, esta difícil prova teve como vencedora Rosa Madureira, do F.C. Penafiel, com o tempo de 1m47,4s, que assim se sagrou vencedora feminina absoluta da 14ª edição do Porto a Subir.

Esta prova foi mais uma vez realizada com o apoio fundamental do Clube Desportivo e Cultural dos Guindais, ao qual a Runporto, através do seu diretor, Jorge Teixeira, entregou uma lembrança de agradecimento por todo o apoio durante estas 14 edições.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30image_31image_32image_33image_34image_35
close