0079UTILIZADORES ONLINE

S. Silvestre Braga 2018

Braga recebeu a sua 41ª S. Silvestre

Realizou-se neste fim de tarde a 41ª edição da S. Silvestre de Braga, com as extraordinárias luzes de natal do centro da cidade a serem o ponto de encontro para milhares de participantes.

Com um clima ameno e sem chuva, ninguém faltou ao tiro de partida dado pela Vereadora do Desporto da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, a alegria e o entusiasmo foram notórios para mais uma edição desta histórica S. Silvestre.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30image_31image_32image_33image_34image_35image_36image_37image_38image_39image_40image_41image_42image_43image_44image_45image_46image_47image_48image_49image_50

O espírito natalício esteve mais uma vez presente, com uma emoção contagiante que se sentia entre todos os participantes.

As arcadas do centro histórico da cidade de Braga são um dos postais mais tradicionais da cidade dos arcebispos e também imagem de marca desta S. Silvestre. São eles que determinam os primeiros metros desta prova com as suas janelas e arcos iluminados.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30image_31image_32image_33image_34image_35image_36image_37image_38image_39image_40image_41image_42image_43image_44image_45image_46image_47image_48image_49image_50

A chegada à meta foi de certa forma bastante disputada com os tempos finais a comprovarem o mesmo. Rui Pedro Silva (Sporting CP) voltou a vencer mais uma edição da S. Silvestre de Braga, após ter alcançado o mesmo em 2016. Desta feita venceu com o tempo de 00:29:52, seguido de Tiago Costa, do mesmo clube, com o tempo de 00:30:05, tendo Davide Silva (SC Braga) ficado na terceira posição com o tempo de 00:30:14.

No setor feminino, as duas primeiras classificadas disputaram igualmente o primeiro lugar até aos últimos metros, com Emília Pisoeiro (Recreio Desportivo de Águeda) a destacar-se com o tempo de 00:33:34, seguida de Filomena Costa, do ACD Jardim da Serra, com o tempo de 00:33:49, e Vanessa Carvalho, atleta do SC Braga, que ficou na terceira posição com o tempo de 00:34:46.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21image_22image_23image_24image_25image_26image_27image_28image_29image_30image_31image_32image_33image_34image_35image_36image_37image_38image_39image_40image_41image_42image_43image_44image_45image_46image_47

Assim ficou o pódio da 41ª edição da S. Silvestre de Braga, que contou com a participação da Vereadora do Desporto da Câmara Municipal de Braga, Sameiro Araújo, e dos representantes dos patrocinadores, Gaspar Borges da ABB, e José Teixeira da BMcar.

A Praça da República, com a sua imponente árvore de Natal, serviu de palco para a mais antiga corrida do Minho e a segunda mais antiga do território continental.

closenext