0135UTILIZADORES ONLINE

Notícias

S. João vai ser festejado a correr e a caminhar

14.06.2022

A tradicional Corrida de São João atravessou em 2018 o Douro e vai novamente correr-se em Vila Nova de Gaia, depois da interrupção de dois anos no evento. A margem sul do rio recebe dia 19 de junho uma das corridas mais emblemáticas dos festejos de São João.

Corrida foi hoje apresentada no Convento Corpus Christi

A Conferência de Imprensa da 21ª Continental Corrida de S. João realizou-se hoje no Convento Corpus Christi, onde foi apresentado o evento e divulgados todos os detalhes e novidades acerca da edição deste ano.

Jorge Teixeira, deu início às intervenções, referindo que voltar a celebrar o Santo Popular com este evento desportivo é uma alegria.

image_1image_2image_3image_4image_5image_6image_7image_8image_9image_10image_11image_12image_13image_14image_15image_16image_17image_18image_19image_20image_21

T-shirt 100% reciclada

O Diretor da Runporto começou por destacar o kit de participante que inclui uma t-shirt oficial da prova feita de material reciclado. O seu tecido técnico ECOTECH é feito com fio de poliéster de garrafas plásticas recicladas, proporcionando leveza e suavidade para evitar atrito e máxima respirabilidade para mantê-lo sempre seco.

Referiu também que a Continental Corrida de S. João conta com atletas de 15 nacionalidades: Portugal, França, Espanha, Reino Unido, Itália, Alemanha, Rússia, Estónia, Brasil, Venezuela, Paraguai, Moçambique, Egipto, África do Sul e Jordânia.

O evento apresenta um percurso inteiramente em Vila Nova de Gaia, com partidas e chegadas na zona pedonal de Canidelo, onde se poderá festejar esta quadra com majericos de S. João, oferecidos pela organização a todos os participantes.

Paulo Paula e Mónica Silva voltam a correr pela vitória

Depois de atingir a primeira posição do pódio feminino em 2018 e 2019, a atleta Mónica Silva está de volta à Continental Corrida de São João. Terá como concorrência as atletas Marta Ferreira (CF Os Belenenses), Carla Martinho (RD Águeda), Joana Nunes (RD Águeda), Rafaela Fonseca (SC Salgueiros), Doroteia Peixoto (Amigos da Montanha) e Susana Godinho (CD Feirense).

No lado masculino o excelente maratonista olímpico brasileiro Paulo Paula – oitavo em Londres 2012, 15º no Rio 2016 - vai procurar mais uma vez o lugar mais alto do pódio, depois de, em 2019 ter vencido.

Para isso terá que bater forte concorrência portuguesa, Vítor Oliveira (GDC Guilhovai), Luís Feiteira, Nuno Lopes (CD Feirense), vencedor da edição de 2017, Rui Teixeira (Sporting CP), Ricardo Pereira (ACD Jardim da Serra), Rui Pedro Silva (CD S. Salvador do Campo), que venceu em 2012, 2014 e 2015, João Almeida (RD Águeda) e Hélder Santos que já ficou na primeira posição em 2018.

O representante do patrocinador principal, Nuno Rebelo, Diretor de Marketing da Continental Pneus Portugal, referiu a importância de apoiar eventos. O apoio a eventos como este, que envolvem toda a família na área do running, são um investimento importante para a Continental e representam uma postura de proximidade com as pessoas.

O evento é composto por duas provas, a Continental Corrida de S. João, com 15 km de distância, e a Mini Corrida Pela Saúde Digestiva by SPG, com 7 km de distância, para toda a família.

A Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia (SPG) é uma associação científica, sem fins lucrativos e de utilidade pública. Este ano, vai associar-se à Mini Corrida de S. João com os objetivos de promover o desenvolvimento da Gastrenterologia ao serviço da saúde da população portuguesa.

Guilherme Macedo, Presidente da SPG, começou por referir que “é com muita honra que a Sociedade Portuguesa de Gastrenterologia, que é uma corporação que representa centenas de especialistas da saúde digestiva, está aqui presente a partilhar uma experiência histórica”.

“A saúde ligada ao desporto já não é só uma questão cardiovascular”, Guilherme Macedo (SPG)

Para o Presidente da SPG, o exercício físico tem também um impacto muito grande na saúde digestiva e foi nesse sentido que a SPG quis associar-se a esse evento, para entrar em contacto direto com a população, estar próximo das pessoas, sendo esta “a plataforma ideal”.

Vítor Dias, Diretor Regional Norte do Instituto Português do Desporto e Juventude começou por mencionar que estes eventos permitem a massificação da prática do desporto, para as famílias, para os mais desfavorecidos e para os atletas de competição.

“A componente do desporto para todos, onde todos podem participar em igualdade de oportunidades é o mais importante”, Vítor Dias (IPDJ)

Para terminar, em representação do Vereador do Desporto da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia José Guilherme Aguiar, Mário Duarte relembrou que o município recebeu calorosamente o evento em 2018 e que quer continuar a fazer parte da história desta emblemática e tradicional corrida.

A qualidade da Continental Corrida de S. João vai ajudar a dinamizar desportivamente o concelho, incentivando as pessoas à prática do atletismo e também posiciona assim Vila Nova de Gaia no calendário desportivo nacional, dando a conhecer as paisagens e o património do município.

close